Contributors

Blog Archive

Other

Listed on BlogShares

Add This

AddThis Social Bookmark Button

09 October 2004

HISTÓRIA SANGRENTA:


Acordando de manhã
Ao som das bombas caindo.
Adormecendo cansado
Ao som das sirenes chorando.

As imagens eléctricas,
Uma novela de vidas reais,
Usurpando as nossas almas
No santuário dum lar.

Vivendo as imagens da guerra,
Remotas e quase irreais,
Que cheguem duma terra distante,
Uma pátria de morte.

A lógica preparando o seu discurso,
Uma mente que tenta divagar,
Um coração chorando civis
Que morrem nas terras distantes.

A minha mente procura razões
Para fazer face à miséria.
E meu coração não consegue
Separar o homem da besta.

Crescentes e cruzes,
O calvário dos inocentes.
Mais uma bomba cirúrgica
Destruindo a vida dum vizinho.

A paz, a paz eles reclamam,
A virtude virtual saindo às ruas
Contra guerra eles lutam
Com suas vozes cobardes.

O ruído alem do horizonte,
As sirenes das trevas.
- Eles vêm mãe, eles vêm,
- Eles voltarem...

Adormecendo
Nos sonhos dum mundo
Sem senhores...
Sem lágrimas...

No comments: